“A opção pela vida sacerdotal (…) exige uma fé corajosa”

1
405

“Sentimos que a opção pela vida sacerdotal, sobretudo nos dias de hoje, muito marcados pela cultura do provisório e do experimentalismo, exige uma fé corajosa que nos impele a seguir a cultura do dom, que contradiz a cultura do interesse, hoje muito dominante. Estamos com os nossos padres no esforço para seguir a cultura do dom em tudo o que decidem e fazem e é isso o que queremos propor aos que se preparam para virem a ser também sacerdotes, segundo o modelo do único Bom Pastor.” É esta a mensagem deixada pelo Bispo da Guarda, D. Manuel Felício, para a Semana dos Seminários, que a Igreja assinala entre 31 de Outubro (domingo) e 7 de Novembro.

O bispo diocesano lembra que os seminários “sempre foram especialmente acarinhados, porque têm por missão preparar os sacerdotes para serviço das comunidades e da vida da Igreja”, mas que as “profundas mudanças que as circunstâncias actuais estão a impor aos seminários, as quais, há bem poucos anos atrás, eram impensáveis, estão a pedir aos fiéis e às comunidades, a começar pelos sacerdotes, apoio e um compromisso especial.”

Texto completo na edição papel do NC.