Amanhã há marcha lenta contra as portagens

Iniciativa foi antecipada, um dia, devido à visita de Marcelo Rebelo de Sousa à região
0
144

A Plataforma P’la Reposição das Scut na A23 e A25 agendou para amanhã, quinta-feira, 17, uma marcha lenta contra as portagens, um dia antes do que estava previsto, com o objectivo de conseguir um encontro com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Em comunicado, a Plataforma explica que a decisão se prende com o facto de estar prevista, para sexta-feira, 18, uma visita de Marcelo Rebelo de Sousa ao concelho de Pinhel, na Guarda, onde o Chefe de Estado deve inaugurar a sétima edição do Beira Interior- Vinhos e Sabores.

A plataforma adianta que quer “sensibilizar [o Presidente da República] para a importância e necessidade da reposição das Scut na Beira Interior (A23, A24 e A25)”. E lembra as “recentes declarações do Governo sobre uma eventual redução do preço das portagens na Beira Interior no primeiro trimestre de 2023”, afirmando que isso já devia ter acontecido na legislatura anterior.

As colunas do protesto arrancam pelas 16 horas das cidades de Castelo Branco (saída do Museu) e Guarda (Rotunda do G). De Belmonte, as viaturas saem pelas 16 horas e 30 (junto ao Auditório Municipal), e da Covilhã, pelas 17, a partir do Campo das Festas. O objectivo é depois concentrar as diversas colunas na rotunda norte da A23, no Fundão.

Comments are closed.

Mais Notícias