Covilhã não sai do nulo frente ao Casa Pia

O Covilhã introduziu duas vezes a bola na baliza, mas os lances de Jaime e Bernardo não foram validados e o encontro acabou sem golos
0
456

O Sporting da Covilhã e o Casa Pia empataram sem golos na 26.ª jornada da II Liga de futebol, numa partida em que os “gansos” tiveram mais posse de bola e maior domínio, mas os serranos estiveram mais perto de marcar.

O nulo mantém a formação de Lisboa no 8.º lugar, com 35 pontos, enquanto os “leões da serra” conquistaram mais um ponto e subiram provisoriamente ao 11.º posto da classificação, com 30 pontos.

O Casa Pia, quatro lugares acima dos serranos na tabela, mostrou maior controlo sobre os momentos do jogo, apresentou uma equipa organizada, teve maior posse de bola e esteve sempre de olhos postos no ataque, mas foi o Sporting da Covilhã quem teve as melhores ocasiões para marcar.

Filipe Cardoso deu o primeiro sinal e Dantas respondeu na área serrana. Ao minuto sete Gleison trabalhou bem a bola na esquerda e a bola passou em frente à linha de baliza, mas Enoh não chegou a tempo para o desvio.

Aos 14 minutos Leo Cá obrigou à defesa de Lucas Paes e Sousa não permitiu a Gleison a emenda ao segundo poste.

Quando estavam jogados 28 minutos, na sequência de um livre apontado por Jean Felipe, Jaime Simões atirou para o fundo das redes, mas o árbitro não validou o golo, por considerar posição irregular.

Antes do descanso Bernardo Martins ganhou a bola a Christian em zona frontal e rematou certeiro de fora da área, só que o juiz da partida entendeu ter existido falta sobre o brasileiro.

No reatamento o Casa Pia entrou em campo mais esclarecido e Malik protagonizou dois remates fortes, de fora da área, que saíram por cima da barra.

A formação dos “gansos”, mais ofensiva, encontrou pela frente uma defesa serrana coesa e os “leões da serra” foram conseguindo reagir e equilibrar a partida.

Já com Rui Areias em campo, o atacante assustou duas vezes, de cabeça, mas os remates falharam o alvo, tal como Jaime, que também atirou ao lado e ninguém conseguiu desfazer o nulo.

Comments are closed.

Mais Notícias