Faleceu o sindicalista e dirigente associativo Manuel Carrola

Coordenador distrital da Inter-Reformados morreu hoje, aos 77 anos.
0
609

Manuel Carrola, coordenador distrital da Inter-Reformados, morreu hoje, aos 77 anos, informou a União dos Sindicatos de Castelo Branco (USCB), de que foi dirigente durante um largo período.

Em comunicado, a intersindical salienta que Manuel Carrola “foi um ser humano ímpar, um dirigente sindical íntegro, sério, honesto e de uma entrega sem limites à causa dos trabalhadores na sua luta por uma sociedade livre, democrática e justa e pelo  fim da exploração do homem pelo homem”.

O sindicalista, antigo dirigente do Sindicato Têxtil da Beira Baixa, era também membro da direcção do CCD do Rodrigo, colectividade a que presidiu, foi eleito do Partido Comunista Português na Assembleia Municipal da Covilhã e na Assembleia de Freguesia da Junta da Conceição.

“O Manel Carrola é um daqueles dirigentes que marcaram e marcam a história do movimento sindical no distrito desde os tempos de resistência à ditadura fascista até aos dias de hoje”, frisa a USCB, estrutura que destaca os 50 anos de entrega à “acção sindical”.

A União dos Sindicatos refere que Manuel Carrola honrou “o passado heróico da classe operária e dos  trabalhadores da nossa região”.

O velório tem início às 17:00, na Capela do Rodrigo, e o funeral está marcado para quinta-feira, às 10:15.

Comments are closed.