GNR apreende artigos contrafeitos na Feira de São Tiago

Autoridades referem que este tipo de acção visa garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial
0
939

A GNR apreendeu 805 artigos contrafeitos e identificou quatro homens e uma mulher, com idades entre os 28 e os 53 anos, por venda de artigos contrafeitos, na cidade da Covilhã, foi hoje anunciado.

A acção foi realizada através do Destacamento Territorial da Covilhã, no sábado, 16, ao final do dia, na Feira de São Tiago.

“No âmbito de uma operação de prevenção e combate à criminalidade, realizada numa feira da localidade, que visou o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos, os militares da Guarda apreenderam um total de 805 artigos contrafeitos de várias marcas conhecidas, nomeadamente 609 peças de vestuário e 196 artigos de calçado”, é referido na mesma nota.

A operação culminou na elaboração de cinco autos de notícia por crime de contrafação, acrescenta a GNR.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial da Covilhã. A acção policial contou com o reforço do Destacamento de Intervenção (DI) de Castelo Branco e com o apoio da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).

No comunicado, a GNR relembra que “o objetivo principal deste tipo de acções é garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos”.

Comments are closed.