“Notícias da Covilhã”: jornal mais que centenário

Lembramos à cidade da Covilhã e sua região que são poucas as cidades que se orgulham de possuir um jornal mais que centenário
0
356

D. Manuel Felício*

O “Notícias da Covilhã” celebra 102 anos.

Se lhe somarmos mais 6 anos, aqueles em que vigorou o “A Democracia” que o precedeu, são 108 anos a informar e a criar opinião neste centro interior do nosso país, mais propriamente num mundo com forte identidade, como é a Cova da Beira.

Merece os nossos parabéns pelo percurso até agora realizado; mas sobretudo importa aproveitar esta efeméride para olhar em frente e marcar novo ritmo rumo a um futuro ainda mais promissor. Está em causa o serviço que as pessoas e a região já se habituaram a esperar do nosso “Notícias” e, por isso, não querem dispensá-lo.

Claro que, como qualquer outra instituição, o “Notícias” tem de saber valorizar o seu património, com passado deveras notável. Por isso, importa valorizar o percurso até agora realizado, as dificuldades vencidas e foram muitas, os projetos cumpridos, como também vontades legítimas e promissoras que não pôde por inteiro realizar.

Mas, o importante é rumar ao futuro, definindo objetivos ajustados ao bem das nossas pessoas e das nossas terras e bem assim as melhores estratégias que lá possam conduzir.

Todos sabemos que já a terceira revolução industrial, mas sobretudo a quarta, que a todos nos está a envolver, questionam que a mediação do papel continue isolada de outras formas de comunicar, como são todas as ligadas ao mundo digital e às chamadas redes sociais; em suma, às novas tecnologias da informação.

Ora, o nosso “Notícias” e o seu Diretor já provaram vontade e capacidade para entrar pela porta do futuro, sobretudo quando se trata de saber articular bem as distintas formas de estar no mundo da comunicação social. E a Covilhã, cidade universitária e com reconhecido saber académico voltado para as distintas formas de comunicar, merece que o seu “Notícias” também possa avançar, com coragem, por estes caminhos novos que procuram articular bem as distintas formas de comunicar.

Em dia de aniversário, olhando para os mais de cem anos vividos a informar e a fazer opinião inspirada nos mais nobres valores humanos e humanizantes, auguramos ao nosso “Notícias” as maiores venturas e lembramos à cidade da Covilhã e sua região que são poucas as cidades que se orgulham de possuir um jornal mais que centenário como este é; e que, por isso, merece ser acarinhado e cuidado por todos.

Renovamos parabéns ao “Notícias da Covilhã” e a toda a equipa que semanalmente garante que ele possa chegar até nós.

 

*Bispo da Guarda

Comments are closed.

Mais Notícias