Pavilhão do INATEL cedido ao município

Acordo válido por 15 anos
0
316

O assunto arrastava-se há quatro anos e está agora mais próximo de um desfecho. A Câmara da Covilhã aprovou na sexta-feira, 5, na reunião pública da autarquia, a minuta de um protocolo de colaboração com a Fundação INATEL para a cedência do pavilhão desportivo na cidade, por 15 anos.

O acordo prevê a cedência das instalações por 15 anos, renováveis, o pagamento, por parte da Fundação INATEL (Instituto Nacional para o Aproveitamento dos Tempos Livres), de obras até cem mil euros e uma renda mensal a pagar pelo município, no valor de 1.661 euros.

Segundo o presidente da Câmara da Covilhã, Vítor Pereira, as obras de reparação do pavilhão estão orçadas em cerca de 200 mil euros, o que significa que cada uma das entidades fica com metade do encargo estimado.

O presidente da autarquia espera que as obras comecem “tão depressa quanto possível” e que os trabalhos estejam em curso “este ano”, sem se comprometer com datas para a conclusão dos trabalhos.

Vítor Pereira considerou que o valor acordado é “justo, adequado e proporcional”.

(Notícia completa na edição papel)

Comments are closed.