Quase todos os estudantes da Cova da Beira vão voltar às aulas imunizados

Só no passado fim-de-semana, mais de mil jovens, entre os 12 e 15 anos, levaram a primeira dose da vacina contra a covid-19. Até 20 de Setembro, prevê-se que grande maioria da população entre 12 e 17 anos esteja imunizada
0
291

Covilhã, Belmonte e Fundão deverão iniciar o ano lectivo 2021/2022 com praticamente 100 por cento dos estudantes vacinados.

No passado fim-de-semana, o primeiro para a vacinação para as idades entre 12 e 15 anos, foram inoculados 1089, ou seja, 38% dos 2866 inscritos na região. Na faixa dos 16 e 17 anos, 986 jovens foram vacinados, de um total de 1508, ou seja, 65,38%. “A nossa perspectiva é trabalhar com 100% de imunizados, mas a adesão é difícil prever”, explica Carlos Martins, director de enfermagem e coordenador de vacinação do Agrupamento de Centros de Saúde da Cova da Beira (ACES).

Os números divulgados pela ACES mostram os índices da primeira dose de vacinação nos jovens. Como o intervalo entre uma e outra dose é de 21 dias, a previsão é de que até 20 de Setembro a grande maioria da população entre 12 e 17 anos esteja imunizada. “É a única arma efectiva que temos para combater a pandemia”, explica Carlos Martins, lembrando que a mortalidade fica 11 vezes menor entre os vacinados.

Mais informações na edição em papel do NC.

Carlos Manoel Ramos Martins

Comments are closed.