Quase…

Covilhã empata a duas bolas, em casa, com o Gil Vicente, para a Taça da Liga. Golo do empate barcelense surgiu em tempo de descontos, de grande penalidade
0
227

Faltou um pouquinho…O Sporting da Covilhã somou o segundo empate consecutivo, em casa, (em jogos de competições diferentes), no domingo, na primeira jornada do Grupo E da Taça da Liga, frente ao primodivisionário Gil Vicente (2-2) mas esteve a um pequeno passo de vencer, pela primeira vez este ano no Santos Pinto, já que o golo do empate dos de Barcelos só surgiu aos 95 minutos, numa grande penalidade convertida por Alipour.

 

Alex Costa apostou num onde algo renovado, em que como grandes novidades surgira Yang, Marsico, e sobretudo, o jovem covilhanense Diogo Cornélio, que deu boa conta do recado e apontou, inclusivamente, o segundo golo dos serranos, que aos 68 minutos dava vantagem à equipa da casa.

 

Na primeira parte, contudo, os gilistas foram melhores, criaram mais oportunidades de golo, e chegaram à vantagem aos 17 minutos, numa grande penalidade convertida pelo espanhol Fran Navarro, a castigar uma bola na mão de um defensor serrano. O Covilhã apenas respondeu num remate de longe, de Fatai, que passou ao lado da baliza contrária, e, nos primeiros 45 minutos, ora por inoperância dos avançados, ora por acerto da defesa e guardião serrano (Bruno Bolas), o Gil ficou a dever a si a possibilidade de ir para o segundo tempo com vantagem mais alargada.

 

Na segunda parte, logo a abrir, o Gil viu o segundo golo ser anulado por fora de jogo, mas a partir daí os covilhanenses tornaram-se mais atrevidos, e acabaram mesmo por dar a volta ao marcador. Aos 65 minutos, Diogo Rodrigues escapou pela direita, cruzou com peso e medida para Gildo, à boca da baliza, encostar para o fundo das redes. E três minutos depois, novo cruzamento, desta vez na esquerda, por Jorginho, para o jovem Diogo Cornélio, ao segundo poste, muito oportuno atirar a contar. Os gilistas reagiram, enviaram uma bola à trave da baliza de Bruno Bolas, e já nos descontos, quando poucos acreditavam, lograram o empate, numa grande penalidade convertida com êxito pelo iraniano Alipour.

 

Com este empate, Covilhã e Gil Vicente dividem o segundo lugar do Grupo E, atrás do Nacional que, com alguma surpresa, venceu na véspera, por 2-0, o Portimonense, que é último. Os covilhanenses deslocam-se no domingo, 27, ao Algarve, para defrontarem a equipa treinada por Paulo Sérgio, às 11 horas. Um jogo com transmissão na SporTV 2.

Comments are closed.