Terceira derrota seguida do Covilhã

Covilhã derrotado no Santos Pinto pelo Chaves
0
431

O Sporting da Covilhã somou na noite da passada segunda-feira a terceira derrota seguida (segunda seguida na II Liga), ao perder em casa frente ao Chaves, por 1-2.

Numa partida disputada sob péssimas condições climatéricas, com muito frio, vento e chuva, os serranos não foram inferiores aos flavienses, mas pagaram bem caro dois erros defensivos.

As duas equipas, vindas de derrotas e separadas por apenas um ponto, fizeram uma primeira metade equilibrada, jogada num terreno pesado. O Covilhã foi a primeira equipa a criar perigo, por Gui, mas acabou por ser o Chaves a marcar primeiro. Toro atirou forte, para a defesa de Léo Navachio para canto. Na sequência da bola parada, Artur Soares Dias assinalou grande penalidade (duvidosa) de Daffé sobre Juninho e Zé Tiago, que já passou pelo emblema serrano, chamado a converter, inaugurou o marcador, aos 37 minutos.

Na segunda parte, Capucho mexeu na equipa e foi o jovem Inusah, na estreia pelos serranos esta temporada, a dar origem à grande penalidade que deu a igualdade momentânea no jogo. Cruzamento para a área e Bura, também ex-serrano, a cortar a bola com o braço. Da marca de grande penalidade, Gilberto empatou, aos 64 minutos.

No minuto seguinte, o Chaves, por Zé Tiago, esteve perto do golo, enquanto, na outra baliza, foi Inusah a obrigar à defesa de Paulo Vítor. Aos 80 minutos, o golo da vitória flaviense. Canto cedido por Joel Vital, bola enviada para a área por Benny e Bura a aproveitar um desvio na área para finalizar com sucesso.

Depois da eliminação na Taça de Portugal, aos pés do Salgueiros, e da derrota para o campeonato em Coimbra, frente à Académica, os serranos somaram novo desaire. No próximo dia 20 o Covilhã visita o terreno do Arouca.

Comments are closed.