Wender quer leão da serra de futebol “atractivo”

Primeiro teste, com selecção distrital de Castelo Branco, deu vitória por 7-1
0
205

Satisfeito com a primeira semana de trabalho e com o primeiro jogo de preparação da temporada, que venceu por 7-1, o treinador do Sporting da Covilhã, Wender, afirmou no final partida estar a trabalhar para em competição ter uma equipa com um jogo atractivo.

“Eu pretendo um jogo agradável, um jogo atractivo, posicional, uma equipa que consiga andar sempre junta, uma equipa que consiga jogar em dois corredores com os sectores juntos, uma equipa que consiga em muitos momentos do jogo pressionar à frente. São essas coisas que estamos a treinar e vamos fazer”, disse o novo técnico serrano.

Nos jogos seguintes da pré-época, o próximo esta quarta-feira, frente ao Benfica, realizado já após o fecho da edição do NC, e o seguinte sábado, em Portimão, o timoneiro da equipa ficará agradado se nessas partidas “houver uma evolução de 30 ou 40 minutos em que se consiga uma equipa constante, contra essas equipas da I Liga”. “Nós não vamos estar em todos os momentos preparados, mas que em vários momentos a gente possa ter uma sequência de 30 a 40 minutos de uma forma coesa, compacta,  confortáveis com bola”, acrescentou.

“Nós não temos medo de jogar, porque nós não estamos a pensar o resultado, estamos a pensar em preparar uma equipa que chegue ao dia 25 (início da Taça da Liga) e consiga corresponder a todas as expectativas”, acentuou Wender.

Na manhã do último sábado, 03, o Sporting da Covilhã venceu, por 7-1, no primeiro jogo de preparação da época, uma selecção de jogadores do campeonato distrital de Castelo Branco, orientada por André Matias, do Pedrógão.

Na partida, disputada no Complexo Desportivo da Covilhã, o treinador, Wender, aproveitou para rodar os jogadores disponíveis.

O reforço Diego Medeiros (ex-Casa Pia) inaugurou o marcador e Jean Felipe aumentou a contagem. Gilberto marcou o terceiro e Chico (ex-Portimonense) bisou antes do intervalo.

No reatamento Afonso Matias reduziu para 5-1, mas Jorge Vilela apontou o sexto golo dos serranos e Joel Vital fixou o 7-1 final.  O treinador, Wender, mostrou-se satisfeito com a resposta da equipa.

“Este teste correu lindamente. Independentemente do resultado, o importante é ver as dinâmicas que foram treinadas e que aconteceram nos golos e no jogo em geral”, disse o técnico.

(Notícia completa na edição papel)

Comments are closed.